Quinta, 15 de Abril de 2021
15 de Abril de 2021

Aparecida pode receber teste de spray anti-Covid de Israel, diz Gustavo

Em live, prefeito anunciou que abriu tratativas com o governo israelense para levar o experimento ao Hmap: “O que eu não quero ver é a nossa saúde colapsada”

O prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha, usou suas redes sociais nesta terça-feira (16), ainda de madrugada, para manifestar preocupação com o avanço da segunda onda de Covid-19. Ele citou dados do Boletim Epidemiológico do município que indicavam a ocupação, nesta segunda-feira, de 75% dos leitos de UTI da rede pública municipal destinados a tratamento de Covid. E adiantou que busca uma nova alternativa para fazer enfrentamento à doença.

Gustavo interagiu com os seguidores através de uma live. Durante a conversa, o prefeito anunciou que, para ampliar as medidas de enfrentamento ao novo coronavírus, ele aventa com a missão diplomática de Israel no Brasil a possibilidade de Aparecida ser inserida no circuito de cidades brasileiras que receberão o experimento israelense – já na terceira fase de pesquisas – de um spray nasal testado no combate à Covid-19.

“Eu acredito muito na tecnologia de Israel e, se eu mesmo pudesse tomar, eu utilizaria esse medicamento”, disse o prefeito Gustavo Mendanha. A ideia, segundo ele, é que o Hospital Municipal de Aparecida (Hmap) seja habilitado para receber o experimento, que ocorrerá em parceria com o Ministério da Saúde.

“Seria importante a gente ter um medicamento que fosse, de fato, eficiente e eficaz no combate a essa doença”, comentou Gustavo Mendanha.

O prefeito de Aparecida contou que conversou ontem com o embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley, para iniciar as tratativas. E ainda nesta semana, segundo afirmou Gustavo, ele deve encontrar o diplomata em Brasília para acertar detalhes da parceria e assinar um protocolo de intenções com Jerusalém.

Horas depois da live, Yossi Shelley, com quem Gustavo tem uma sólida relação institucional, se manifestou no Instagram para parabenizar a iniciativa do prefeito. “Parabéns ao prefeito Gustavo por sua iniciativa em prol da saúde do seu povo e pela confiança nesta parceria”, escreveu o embaixador.

Volta do escalonamento

Gustavo lamentou as vidas perdidas pela pandemia. Ele se solidarizou com as famílias enlutadas e conclamou a população a reforçar as medidas de proteção contra a doença usando máscara, lavando as mãos continuamente e evitando aglomerações.

O prefeito alertou a população para a possibilidade de retomada do isolamento social intermitente em Aparecida por meio do escalonamento regional das atividades econômicas. “Pode ser que nesse momento não tenhamos de fato essa necessidade, mas precisamos, claro, voltar a tomar todos os cuidados possíveis”, recomendou Gustavo Mendanha.

Oferta de vacinas

Enquanto o Judiciário analisa um processo do governo da Bahia para decidir a questão sobre a autonomia ou não dos estados – com repercussão nos municípios – de comprar vacinas, Aparecida de Goiânia já dialoga com possíveis atores que, na eventualidade de uma decisão positiva, poderiam ofertar imunizantes à Saúde Municipal.

Gustavo Mendanha confirmou a possibilidade. “Eu e minha equipe temos feito esse esforço nos diálogos no sentido de adquirir vacinas em tempo hábil, assim que for permitido, para imunizar a nossa população”, disse.

O prefeito de Aparecida encerrou a live pedindo racionalidade para prevenir a Covid. “Peço que possamos estar muito atentos. Se continuarmos com os índices subindo assim, talvez tenhamos até o fim desta semana todos os leitos ocupados. Como líder da cidade, o que eu não quero ver é a nossa saúde colapsada”, concluiu Gustavo.

Texto: Allan David

Compartilhe este post: