D2Esporte

CBF divulga protocolo para a volta de público, com obrigatoriedade de vacina ou teste negativo

Medida depende de aval das autoridades sanitárias locais (Divulgação)

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) publicou na última sexta-feira, 13, uma versão do Protocolo de Recomendações para Retorno do Público aos Estádios. O documento prevê a volta das torcidas em partidas válidas pela fase de quartas de final da Copa do Brasil, além das séries A, B e C do Campeonato Brasileiro. Entretanto, para que a presença de público se consolide, o guia destaca que a decisão final dependerá da anuência das autoridades sanitárias locais.

Para ter acesso aos estádios, os torcedores terão que fazer um teste RT-PCR para detecção do vírus SARS-CoV-2 até três dias antes da data da partida. Como alternativa, também será aceito o teste ‘Pesquisa de Antígenos’, realizado em até dois dias antes da partida. Nesse caso, o teste obrigatoriamente precisa ter sido realizado em um laboratório de análises clínicas ou unidades de prestação de serviços de saúde devidamente autorizados pelas autoridades sanitárias.

Outra possibilidade é estar plenamente vacinado. Aqui, segundo a CBF, não será necessária a realização de testes dias antes dos jogos. O entendimento da CBF sobre o termo ‘plenamente vacinado’ é o torcedor ter sido imunizado com duas doses ou ter tomado a dose única da vacina contra a Covid-19.

Venda de ingressos

No documento, a CBF garante que disponibilizará um sistema virtual para consultas a respeito de vacinas, testes RT-PCR e antígeno, a fim de que os clubes ou as empresas contratadas possam verificar a veracidade das informações de vacinação plena ou testagem prestadas pelos torcedores.

 

Flamengo e Cruzeiro autorizados

Flamengo e Cruzeiro já conseguiram a liberação no STJD para jogar com público nos estádios, mas até aqui só o rubro-negro pôde contar com a torcida. Foi no jogo contra o Defensa y Justicia, pela Libertadores. Já o time mineiro pretende ter a volta do torcedor nas arquibancadas na partida contra o Confiança, pela Série B.

Com a definição do protocolo da CBF, não só Flamengo e Cruzeiro poderão contar com torcida. No caso das séries A, B e C, ainda é preciso a aprovação em um conselho técnico, o que deve acontecer nos próximos dias. De qualquer forma, como diz o protocolo, para jogar em casa é necessária a aprovação das autoridades sanitárias de cada cidade.

Você pode se interessar:

Comments are closed.

Mais em:D2