Domingo, 07 de Março de 2021
07 de Março de 2021

Covid-19: nota Técnica mostra que Goiânia é a sexta capital com menor índice de óbitos pela doença

A Prefeitura de Goiânia publicou ontem (19) a Nota Técnica nº 09/2020 com dados atualizados sobre o cenário epidemiológico de Goiânia e a ampliação da rede de tratamento da covid-19. O documento foi elaborado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) em virtude da pandemia e da necessidade de nortear a retomada de atividades econômicas que tiveram funcionamento suspenso em decorrência das medidas de enfrentamento e prevenção da doença.

Segundo dados do Ministério da Saúde (MS), Goiânia é a sexta capital brasileira com menor taxa de mortalidade por covid-19. A cada 100 mil habitantes são registrados 6,53 óbitos, no Brasil chega a 22,7 mortes por cada 100 mil habitantes.

Em relação à taxa de incidência da doença, Goiânia também é a sexta capital com menor índice de contaminação. São 289,69 pessoas infectadas a cada 100 mil habitantes.  Por sua vez, o Brasil encontra-se com taxas de incidência de 466,5 por 100 mil habitantes.

Até o último dia 18, foram confirmados na capital  4.509 casos por COVID-19 em residentes, distribuídos em 385 bairros da capital, e 100 óbitos pela doença, dos quais 71% ocorreram na população acima de 60 anos, com a maioria apresentando alguma comorbidade (cardiopatia, diabetes, obesidade, entre outros).

Leitos – Covid-19

No momento o município mantém 173 leitos exclusivos para atendimento aos pacientes com a doença em quatro hospitais: Hospital e Maternidade Municipal Célia Câmara, Hospital das Clinicas, Hospital Gastro Salustiano e Santa Casa de Misericórdia. São 63 leitos de UTI/COVID e 110 de ENFERMARIAS/COVID.

Nos últimos 30 dias o número de leitos contratados teve um aumento exponencial de 125%. Em 19 de maio de 2020 eram 40 Leitos de UTI/COVID e 37 ENFERMARIA/COVID.

Compartilhe este post: