Terça, 21 de Setembro de 2021
21 de Setembro de 2021
Publicidade

Daniel deve anunciar em outubro aliança MDB/DEM

Helton Lenine | heltonlenine@gmail.com

Em fase de conclusão da consulta aos membros do MDB, o presidente Daniel Vilela (foto) deverá marcar para 15 de outubro próximo a data para a divulgação do resultado e formalização de aliança do partido com o DEM em apoio à reeleição do governador Ronaldo Caiado. Daniel deverá ser indicado candidato a vice-governador na chapa de Caiado.

Luto em Aparecida
Prefeito Gustavo Mendanha decretou luto por três dias em homenagem póstuma ao ex-vice-prefeito de Aparecida de Goiânia Delcides Alves Fortes, que morreu no último domingo.

Ficha não caiu
Gustavo Mendanha não quer enxergar: as bases do MDB não querem candidatura própria ao governo de Goiás.

“Gatos pingados”
Pouca gente apareceu no evento, na última sexta-feira, 10, em Goiânia, organizado pelo deputado estadual Paulo Cezar Martins para lançamento da candidatura de Gustavo Mendanha à sucessão estadual.

“Gatos pingados” II
O que se apurou é que apareceram no encontro apenas “cabos eleitorais” de Paulo Cezar em Goiânia, assim mesmo poucas pessoas.

Amplo apoio
90% das lideranças emedebistas acompanham Daniel Vilela e Iris Rezende na decisão de respaldar a aliança com o DEM do governador Ronaldo Caiado.

Muito tempo
Mendanha vai fazer ‘marola’ até 3 de abril do próximo ano, quando terá que decidir pela renúncia (ou não) ao cargo de prefeito de Aparecida de Goiânia.

Para onde?
Mendanha, se deixar o MDB, deverá se filiar ao PSDB, PL, Republicanos, Podemos ou Patriota, para a aventura de concorrer ao Palácio das Esmeraldas.

No ataque
Carlos Júnior, presidente do MDB de Goiânia, ataca Paulo Cezar Martins, aliado de Gustavo Mendanha: “O deputado tem um histórico de agir no partido por interesses particulares.”

Traição ao MDB
Carlos Júnior diz que Paulo Cezar não tem nada de “fiel ao MDB” e cita que o parlamentar não apoiou a reeleição do prefeito Gilmar Alves em Quirinópolis e se aliou a Vanderlan Cardoso contra Maguito Vilela em Goiânia.

Sem rumo
Bolsonarista raiz, o deputado federal Major Vitor Hugo, ainda no PSL, não sabe em qual partido o presidente vai buscar abrigo para concorrer à reeleição em 2022. O namoro atual é com o Progressistas.

Objeto de desejo
Henrique Meirelles (PSD), João Campos (Republicanos) e Alexandre Baldy (Progressistas) travam batalha pela vaga de candidato a senador na chapa de Ronaldo Caiado (DEM).

Objeto de desejo II
Correm por fora na busca de candidatura ao Senado pela base governista: Delegado Waldir (PSL), Luiz do Carmo (MDB) e Wilder Morais (PSC).

Ex-vice-prefeito de Aparecida morre aos 87 anos
O ex-vice-prefeito de Aparecida de Goiânia Delcides Alves Fortes, de 87 anos, morreu no último domingo, 12, após uma parada cardiorrespiratória. Ele ficou internado em uma UTI durante 15 dias há dois meses em razão da Covid-19. Delcídio foi vice-prefeito de Aparecida na época de Norberto Teixeira, entre 1983 e 1988. Foi pioneiro em Aparecida e um dos autores do hino do município.

 

RESUMO

Para o presidente do MDB de Goiânia, Carlos Júnior, a discussão sobre a política de alianças do partido para as eleições de 2022 já está superada.

A decisão do diretório emedebista, anunciada no dia 24 de agosto último, conjuntamente com os seis vereadores da bancada do partido na Câmara de Goiânia, é de aliança com o governador Ronaldo Caiado (DEM).

A propósito, Carlos Júnior já deixou a assessoria especial do prefeito Gustavo Mendanha por não apoiar a proposta de candidatura própria do MDB à sucessão estadual em 2022.

O presidente estadual do PDT, George Morais, e a deputada federal Flávia Morais recepcionaram, sábado (11), Ronaldo Caiado, em sua fazenda em Caiapônia, na presença de 44 prefeitos da região. O PDT reafirmou a aliança com o DEM e o apoio à reeleição do governador nas eleições do ano que vem.

Compartilhe este post: