Quinta, 25 de Fevereiro de 2021
25 de Fevereiro de 2021

Em Aparecida de Goiânia, governador vistoria obras da Saneago e assina convênio para conclusão de 900 moradias

Etapa 2 do Linhão Central está com mais de 50% do projeto concluído

Da Redação

“A vida toda essa obra foi cantada em versos e prosas [pelas gestões anteriores] e nunca aconteceu. A região de Aparecida sempre sofreu, mas isso vai acabar.” A afirmação é do governador Ronaldo Caiado que, nesta terça-feira (11), a partir das 9h, vistoria as frentes de serviços do Linhão Central da Saneago, em Aparecida de Goiânia, que já estão com mais de 50% do projeto concluído.

A visita terá como ponto de partida a adutora DN 900, na avenida Pedro Luiz Ribeiro, no Conjunto Residencial Storil. Em seguida, haverá deslocamento até o Centro de Reservação Vila Oliveira, localizado no Bairro Independência, onde o governador e o presidente da estatal, Ricardo Soavinski, concederão entrevista coletiva. Logo depois, às 10h30, o governador estará, na Chácara São Pedro, para formalização de convênio que contemplará com a casa própria 900 famílias.

Universalização do sistema de água

As obras a serem conferidas primeiro, por Caiado e equipe, correspondem à etapa 2 do Linhão Central, que incluem implantação do Centro de Reservação Vila Oliveira, construção de aproximadamente 13 quilômetros de adutora, além de redes de distribuição de água.

O contrato, no valor de R$ 27,6 milhões, teve 50,36% do serviço executado de janeiro, quando foi iniciado, a julho deste ano. Entre os bairros beneficiados estão Conde dos Arcos, Independência, Industrial Santo Antônio, Parque Hayala, Polo Empresarial de Goiás (2ª etapa), Veiga Jardim (parte) e Vila Oliveira, abrangendo um total de 52 mil habitantes.

Além do trecho que será visitado, estão em andamento os trabalhos nas etapas 1 e 3 do Linhão Central e do remanescente do Linhão Sul. O contrato deste último, no valor de R$ 25,3 milhões, inclui a implantação de centros de reservação, estação elevatória, redes de distribuição e adutoras, que vão atender 203 mil pessoas.

Já a etapa 1 do Linhão Central, com investimentos de R$ 7,1 milhões, abrange a ampliação do Booster Cascalho, responsável por incrementar em 200 litros por segundo a vazão de água para a Região Sul de Goiânia e Norte de Aparecida de Goiânia.

A etapa 3 do Linhão Central, por fim, conta com investimentos de R$ 13,7 milhões e se refere à construção do Centro de Reservação Veiga Jardim, estações elevatórias de água tratada e redes de distribuição. O trecho beneficiará uma população de 117 mil habitantes, sendo que parte da rede de distribuição de água do Parque Amazônia já está sendo atendida.

O Sistema de Linhões da Saneago é um conjunto constituído por redes de distribuição, adutoras, centros de reservação e boosters, que levará água do Sistema Produtor Mauro Borges para abastecer a população de Aparecida de Goiânia. A iniciativa vai reforçar o abastecimento dos 450 mil aparecidenses já atendidos e também levar água tratada para mais de 80 bairros que ainda não dispõem do serviço. Por ser uma obra complexa, foi dividida em etapas. A previsão é de que todos os linhões estejam concluídos até 2024.

Moradias 

Ainda em Aparecida, o governador cumpre agenda, às 10h30, na Chácara São Pedro, onde assinará convênio para a finalização de 900 moradias paralisadas. O compromisso contará com a presença do presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Lucas Fernandes, e com representantes da Caixa Econômica Federal (CEF).

As obras contam com orçamento de R$ 35 milhões, provenientes da junção de recursos estadual e federal. O projeto tem previsão de gerar, até o término das frentes de serviço, 667 empregos, entre diretos e indiretos.

Compartilhe este post: