Terça, 18 de Maio de 2021
18 de Maio de 2021
Publicidade

Goiânia recebe 54 mil doses de vacina contra gripe

A SMS já havia recebido 87.800 doses que foram aplicadas em apenas dois dias

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) recebeu na tarde da última quinta-feira (26), 54 mil doses da vacina contra influenza, com isso, poderá retomar a Campanha Nacional de Vacinação que teve início no último dia 23 e segue até 22 de maio. A ação se destina, nesta primeira fase, a idosos e profissionais de saúde que somam um total de 205.107 pessoas. A SMS já havia recebido 87.800 doses que foram aplicadas em apenas dois dias.

Por conta da logística, em boa parte das unidades a vacinação será iniciada a partir das 10h da manhã. Às 8h da manhã já contarão com a vacina as unidades do Distrito Leste, CAIS Vila Nova, Cais Campinas, CSF Leste Universitário, CS Fama, CSF Criméia Oeste, CSF Vila Santa Helena, CS Esplanada do Anicuns, CIAMS Urias Magalhães, CS Vila Clemente, CS Perim, CMV, CS Pq Amazônia, CS Vila Redenção, CS Pq Anhanguera, CIAMS Novo Horizonte e CS Vila Boa.

Também começam a vacinar às 8h o Centro Municipal de Vacinação (CMV), transferido para o campo do Goiás, e os pontos dos Shoppings Flamboyant e Passeio das Águas que irão funcionar em esquema de Drive Thru. Nesses dois locais a SMS contará com a parceria das faculdades de Enfermagem e Medicina da UFG. Em todos os locais, a vacinação será encerrada às 17h.

Fases da Campanha

A Campanha será desenvolvida em três fases e atende a um público prioritário de pessoas que estão mais expostas ao vírus. Na primeira fase, que começou em (23), recebem a vacina os idosos a partir de 60 anos e os trabalhadores da saúde. A população-alvo deste grupo é de 205 mil pessoas.

A segunda fase, que começa no dia 16/04, será destinada aos professores das escolas públicas e privadas, profissionais da força de segurança e salvamento e portadores de doenças crônicas não transmissíveis.

Já a terceira fase, que tem início no dia 09 de maio, vai atender gestantes, puérperas (mulheres que deram a luz há pouco tempo), crianças entre 6 meses a menores de seis anos, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, povos indígenas, pessoas com deficiência e adultos de 55 a 59 anos de idades. O público-alvo total é de 508.943 pessoas.

O objetivo da campanha é reduzir as internações, as complicações e mortes decorrentes das infecções causadas pelo vírus da influenza. A meta é vacinar no mínimo 90% dos grupos elegíveis para a vacinação.

Compartilhe este post: