Quarta, 21 de Abril de 2021
21 de Abril de 2021
Publicidade

Governador entrega mais 916 residências para moradores de Goiânia

Governo de Goiás investe R$ 11 milhões em dois conjuntos residenciais. São 420 unidades no Jardim das Oliveiras e 496 na segunda etapa do Porto Dourado. “Esse dinheiro vem do imposto que todos nós pagamos”, afirma Caiado. No total, 1,5 mil famílias foram contempladas com casa própria na capital somente na atual gestão

O governador Ronaldo Caiado e o presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Lucas Fernandes, entregaram, nesta segunda-feira (21/12), 916 apartamentos a moradores de Goiânia. São dois residenciais, um localizado no Jardim das Oliveiras e outro no bairro Porto Dourado, que foram levantados a partir de parceria entre os governos federal e estadual. O total de investimentos é de R$ 84 milhões – R$ 11,3 milhões de recursos do Estado. A conclusão das duas obras eleva para mais de 1,5 mil o número de famílias beneficiadas, somente na capital, com a casa própria pela atual gestão.

“Passamos os recursos estaduais a custo zero, ou seja, cada um recebe uma quantia para dar uma entrada e ter a casa própria. Esse dinheiro vem do imposto que todos nós pagamos”, ressaltou Caiado, ao explicar como é importante que o cidadão não só cuide do patrimônio, mas que também seja protagonista na luta de “devolver Goiás aos goianos”. “Precisamos construir um sentimento de solidariedade, de ajudar os outros a vencer na vida, de parcerias”, complementou.

A visão do governador para a área habitacional é estratégica e está ancorada em pelo menos dois contextos. No primeiro, une dois elementos para amenizar, em solo goiano, a crise econômica que atingiu o mundo em razão da pandemia da Covid-19: construção civil e empregabilidade. Para se ter ideia, em dois anos de gestão, mais de 17 mil empregos diretos e indiretos foram gerados com obras habitacionais em todo o Estado.

A outra ponta está ligada ao déficit habitacional em Goiás, que gira em torno de 150 mil famílias. Com a experiência de parlamentar e bom trânsito em Brasília, Caiado sabe que é o trabalho conjunto com a União, com as esferas municipais e com a sociedade organizada, seja por meio das associações de lutas pela moradia, que renderá resultados mais rápidos e efetivos para a população.

No evento desta segunda-feira, por exemplo, o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), pasta responsável pelos programas habitacionais no País, mandou um representante: Breno Molinari. O MDR tem sido um dos principais aliados de Caiado no Planalto, tanto que, na última semana, o titular Rogério Marinho esteve em Piranhas, na região Oeste, para lançar dois programas ambientais.

No Jardim das Oliveiras, onde foram entregues 420 apartamentos, Molinari compartilhou da visão do governador sobre a importância de parcerias e da corresponsabilidade do cidadão. “A partir do momento que vocês entrarem nessas unidades, elas vão passar a ser lares. A gente depende de vocês para transformar o local em lugar seguro, com higiene, saneamento, acesso aos equipamentos públicos, entre outros”, listou o coordenador-geral do Departamento de Produção Habitacional da Secretaria Nacional de Habitação do MDR.

Determinação

O presidente da Agehab disse que “graças à determinação do governador Ronaldo Caiado no sentido de somar forças com todos os atores – Caixa Econômica Federal (CEF), governo federal, construtora e beneficiários – é que o trabalho andou”. O projeto do residencial começou em 2009. As obras foram iniciadas no segundo semestre de 2018 e avançaram com o aporte de recursos do Governo de Goiás feito ao longo dos últimos dois anos.

Também presente ao evento, o vereador Paulo Magalhães fez questão de elogiar o governador pelo trabalho que tem sido realizado em todo o Estado. “O senhor é um homem honrado, honesto, transparente e corajoso”, pontuou.

Um dos contemplados no Jardim das Oliveiras, Délcio Lima de Borba Júnior, que estava acompanhado da esposa Thayany e do filho Arthur, pôde cumprimentar pessoalmente o governador Ronaldo Caiado pelo presente de Natal que ganhou. “É um sonho realizado, não só meu, mas de 420 famílias, que conquistaram a casa própria”, afirmou.

Antônio Pereira Salgado, de 76 anos, estava cadastrado há dez anos e todo santo dia ia a pé até o canteiro de obras fiscalizar o andamento da construção. Nesta segunda, ele chegou ao local às 5 horas. “Estou muito feliz, de cabeça erguida”, registrou o dono da chave do apartamento 103.

Em breve discurso, o presidente da Associação Vida Nova, Manoel Pereira, fez uma oração e agradeceu ao governador pelo residencial. “Andei toda a obra e não vi defeito”, disse. Ele chamou o tesoureiro da mesma instituição, Adilson Santos da Silva, para falar. “O cara [refere-se ao governador] é competente. Eu, que já vivi amedrontado aqui na região, que tive o comércio roubado três vezes, hoje a gente não ouve falar desses crimes em residência ou de carro”, afirmou, com o propósito de mostrar que não é só na área habitacional que o Executivo tem conquistado vitórias para a população.

Investimentos

Na construção do Residencial Jardim das Oliveiras foram investidos R$ 37 milhões, com contrapartida do Governo de Goiás de R$ 3,8 milhões. Os outros R$ 33,3 milhões são provenientes do Fundo de Desenvolvimento Social (FDS) do governo federal, operacionalizados pela Caixa.

O empreendimento possui 33 blocos de quatro e três pavimentos, com quatro apartamentos por andar. O espaço domiciliar é composto por dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço, distribuídos em 43,78 metros quadrados. Doze apartamentos foram completamente adaptados para pessoas com deficiência física. Na área comum estão disponíveis pracinhas, salão de festas, churrasqueiras, playgrounds e equipamentos de ginástica.

O conjunto habitacional conta com toda a infraestrutura necessária instalada para dar qualidade de vida às famílias: rede de água, esgoto, asfalto, iluminação pública e equipamentos públicos educacionais, de saúde e segurança.

Residencial Porto Dourado

No segundo compromisso do dia, Caiado entregou mais 496 apartamentos na região Sudoeste de Goiânia. O investimento foi de R$ 51,2 milhões, dos quais R$ 7,4 milhões por meio da Agehab. Os beneficiados receberam subsídio estadual de R$ 15 mil por unidade, para ajudar a diminuir o valor das parcelas do financiamento junto à Caixa. A prestação ficou em torno de R$ 500.

“Quero cumprimentar o governador pela parceria que tem firmado com a gente por meio da Agehab, permitindo que essas famílias pudessem ter parcelas que coubessem no bolso. Ver uma obra dessa magnitude e com acabamento tão bem feito é muito difícil”, assinalou a superintendente executiva da Caixa, Esteliana Modesto.

Neste residencial, os apartamentos estão distribuídos em 31 blocos e possuem 46,28 metros quadrados, o que inclui dois quartos, banheiro, salas de estar e de jantar conjugadas, área de serviço, além de uma vaga de estacionamento. É dotado de extensa área de lazer, com piscinas adulto e infantil, campo gramado, academia, churrasqueiras, playground, praça de ginástica, portaria e segurança 24 horas.

A primeira etapa do empreendimento, também com 496 apartamentos, foi entregue em agosto do ano passado. O residencial vai contar com três fases. A terceira, em execução, terá 416 apartamentos. Serão 1.408 unidades habitacionais no total.

Acompanharam o governador nas duas agendas o secretário da Casa Militar, coronel Luiz Carlos de Alencar; o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Esmeraldino Jacinto de Lemos; o superintendente de rede da Caixa, Evandro Narciso; o vereador Juarez Lopes; o comandante do 42º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Durvalino Câmara do Santos Júnior; o comandante do 1º Comando Regional de Bombeiro Militar (CRBM), tenente-coronel Carlos Borges dos Santos; Nicélia de Paula, representando o deputado federal Francisco Júnior; o presidente da construtora CCB, Wilton Machado e os diretores da construtora Vila Brasil Engenharia, Flávio Mendes e Geraldo Magela.

Estiveram ainda presentes o vice-presidente da Agehab, Luiz Sampaio, e os diretores da agência, Adriano Carvalho (secretário geral); Valderli Borges (técnico); Lindomar Menezes (administrativo); Lucas Gouveia (desenvolvimento institucional) e Kelly Afiúne (governança).

Fonte: Secom-GO

Compartilhe este post: