Quinta, 17 de Junho de 2021
17 de Junho de 2021
Publicidade

Governo estadual e BRK afirmam que já fizeram a sua parte no que tange à infraestrutura

Na edição do DA nº 2.704, de 14 de maio de 2021, os moradores da Vila Oliveira pediram um parecer sobre a situação da água tratada e da rede de esgoto. Sandro Oliveira falou ao Diário de Aparecida que a rede seca que levará água tratada já foi instalada pela contemplação do Linhão, obra de parceria com o governo estadual.

“Toda rede seca já foi canalizada e breve serão feitas as ligações. A previsão de ativação do Linhão é para 2022. A obra liga o Setor Oliveira até o Parque Amazonas, é uma única conjunção, por isso o nome é Linhão. É preciso a conclusão para ativar o fornecimento de água. Hidrômetros e canos já estão sendo instalados”, especificou.

Disse ainda que a BRK contemplou todo o bairro com a rede de esgoto, colocando as galerias necessárias para ativação do saneamento. De acordo com o parlamentar, a Vila Oliveira está caminhando para se tornar um bairro completo no quesito infraestrutura, com água tratada, rede de esgoto e asfalto em todas as ruas. Enfatizou que para todo o sistema funcionar depende da liberação para o Linhão funcionar. Garantiu que a Vila Oliveira está em fase conclusiva de obras esperadas por quase sete décadas.

Investimento
O Linhão Central tem o objetivo de levar água tratada para a população de Aparecida. De acordo com o governo estadual, mais de 370 mil habitantes em mais de 80 bairros serão beneficiados com o abastecimento de água em todas as etapas do projeto, Linhões Central e Sul. Até a conclusão, deverão ser investidos R$ 73,7 milhões.

“A água do [Ribeirão] João Leite vai chegar em Aparecida, garantindo qualidade e a regularidade no abastecimento”, afirmou Caiado na visita às obras em agosto de 2020. Com o sistema, a população de algumas regiões não dependerá mais dos poços artesianos e até de outras formas de abastecimento, como os caminhões pipa, por exemplo. (A.P.A.)

Compartilhe este post: