Quarta, 28 de Julho de 2021
28 de Julho de 2021
Publicidade

Jornalistas são demitidos após comentar que cabelo de jogador é ‘’imundo’’

Narrador e comentaristas de rádio de Goiânia fizeram comentários sobre o meia do Londrina durante jogo contra o Goiás

O narrador esportivo Romes Xavier e o comentarista Vinícius Silva estão sendo acusados de racismo após fazer um comentário sobre cabelo black power do jogador Celsinho, do Londrina, durante o jogo contra o Goiás no último sábado, 17, em Goiânia. Durante transmissão feita pela Rádio Bandeirantes, o narrador disse que Celsinho teria caído porque o “cabelo deve estar pesado demais”.

O comentarista Vinícius, que também participava da transmissão, concordou com Romes e completou: “Exatamente. Parece mais uma bandeira de feijão na cabeça dele do que um verdadeiro cabelo. Não é porque eu estou perdendo os cabelos que eu vou achar um negócio imundo desse bonito”, respondeu ele.

O time do Londrina Esporte manifestou repúdio às declarações. É “inadmissível e lamentável que tais comunicadores, formadores de opinião, propaguem atos de racismo”, escreveu por meio de nota a equipe esportiva. Durante entrevista após a partida, o jogador, que já atuou no Vila Nova em 2020, respondeu que só iria comentar o caso após se reunir com os advogados.

Após a repercussão negativa, os comentaristas pediram desculpas ao jogador e ao clube. Nas redes sociais, o narrador disse que as “colocações erradas que jamais deveriam ter sido ditas. Quem me acompanha, sabe o quanto sou crítico sobre condutas como essa. Peço perdão. Quem nunca errou.”

Já o comentarista disse estar arrependido. “Demonstro todo arrependimento pelo comentário infeliz referente ao atleta Celsinho. Peço desculpas a ele e sua família. Entrei em contato com Celsinho demonstrando todo remorso. A Rádio Bandeirantes é completamente contra essa postura e eu particularmente também sou”, escreveu Vinícius.

Compartilhe este post: