Segunda, 20 de Setembro de 2021
20 de Setembro de 2021
Publicidade

Olá Voltei! Com Batista Pereira

chumbogrosso.batistapereira@gmail.com

Acabo de receber uma reclamação das mais justas possíveis. Segue denúncia na íntegra: “Bom dia, Batista Pereira, eu sou a Sônia da Silva, moradora do Setor Palmares, no município de Trindade. Em relação a violência: cada dia que passa vem crescendo mais e mais aqui no setor. Não há segurança, independente do horário. E infelizmente o policiamento é inexistente. Os moradores estão entregues constantemente a assaltos, humilhações e risco de perder a própria vida. Eu e todos moradores pedimos socorro.”

Em apenas uma quinzena, os presídios do interior de Goiás conseguiram apreender vários objetos que tinham endereço certo: os presos. A maioria deles era telefone celular, já com linha e plano adquiridos. Ou seja, os malandros já os receberiam prontos para a prática de seus crimes dentro da cadeia.

Estou muito preocupado com a GCM de Aparecida de Goiânia. Os policiais estão abandonados pelo poder público municipal. Esta semana eles tentaram recorrer aos vereadores, mas não foram atendidos pelos nobres legisladores de Aparecida, que, tristemente, comem nas mãos de Gustavo Mendanha (MDB). Lamentável isso! Os vereadores fazem o que o prefeito determina. E a ordem agora é não ajudar a Guarda Civil Municipal. Ordem essa que veio do Centro Administrativo. Uma pena!!!

Um ato de heroísmo aconteceu esta semana em Goiânia. Dois policiais militares, em uma ronda policial, se depararam com uma mãe em desespero que pedia socorro para seu filho de apenas 12 dias que havia se engasgado com leite. Os militares não mediram esforços e partiram para ajudar a mãe desesperada. Houve o socorro, até com procedimento de respiração boca a boca com a vítima. Parabéns, heróis!!!

Muito estranho o desaparecimento de um rapaz na vizinha cidade de Jaraguá, a pouco mais de 100 km da Capital. Tem mais de 40 dias que Glysmar Silva, de 34 anos, está desaparecido. Ele foi visto pela última vez em um motel da cidade na companhia de duas mulheres e um homem, depois nunca mais apareceu. A família faz apelo em redes sociais e na TV (foto), na esperança de encontrar o rapaz. Esse caso está estranho! Vamos aguardar a investigação da Polícia Civil, que até já encontrou as três pessoas citadas aqui, mas não teve nenhuma novidade sobre o rapaz, já que o trio afirma ser inocente.

Compartilhe este post: