Segunda, 20 de Setembro de 2021
20 de Setembro de 2021
Publicidade

Oposição pressiona Lira a votar PEC do voto impresso nesta terça para dar resposta a desfile militar

CAMILA MATTOSO
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Líderes de partidos de oposição a Jair Bolsonaro têm se articulado para que Arthur Lira (PP-AL) coloque a PEC do voto impresso em votação nesta terça-feira (10). O presidente da Câmara deu sinais de que poderia passá-la para quarta-feira (11).

Os representantes das legendas de oposição estão se articulando para falar com todas as lideranças de siglas de centro e de centro-direita para que a PEC não seja apenas derrotada, mas para que sofra um revés por larga margem de votos. A ideia com isso é a de dar uma resposta ao desfile militar realizado em Brasília nesta terça, visto como uma tentativa de intimidação por parte de Bolsonaro, principal defensor da PEC.

A PEC precisa de ao menos 308 votos favoráveis, em dois turnos de votação, para ser aprovada na Câmara. Depois, seguiria para o Senado, onde precisaria do aval de pelo menos 49 dos 81 parlamentares, também em dois turnos. Se aprovada nas duas Casas, a PEC é promulgada, sem necessidade de sanção presidencial.

Compartilhe este post: