Terça, 20 de Abril de 2021
20 de Abril de 2021
Publicidade

Painel Coronavírus Goiânia passa a informar ocupação tanto em UTI quanto enfermarias

Prezando pela atualização constante nos dados relativos à Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Goiânia amplia a transparência acerca da ocupação dos leitos destinados ao tratamento da doença na capital. A partir de agora, o site da Pasta conta com o Painel Coronavírus Goiânia, link que dá acesso ao mapa de leitos permitindo que a população veja, em tempo real, as atualizações pertinentes à ocupação das unidades de terapia intensiva (UTI) e  enfermarias. 

Anteriormente, apenas os dados das UTIs eram visualizados. Agora, a população obtém detalhes sobre quantidade de leitos vagos e ocupados, além daqueles que estão bloqueados por motivos diversos, como isolamento ou prevenção. As informações são atualizadas a cada meia hora, permitindo que a comunidade tenha um posicionamento fidedigno quanto ao atendimento hospitalar para Covid-19 na capital.

Tais elementos são disponibilizados em tabelas com todas as unidades de saúde que dispõem de leitos regulados para o município. Isso inclui hospitais conveniados e da própria rede, como o Hospital e Maternidade Célia Câmara, referência no tratamento da Covid-19 na capital. Ainda no Painel Coronavírus Goiânia, do lado esquerdo, é possível acompanhar também a ocupação de outras categorias de UTI, tais como Pediátrica e para tratamento de queimaduras. 

“O acesso à informação é direito previsto em lei e a disponibilização do Painel Coronavírus Goiânia, no momento delicado da pandemia em que nos encontramos, é de suma importância para que a população tenha dados consistentes acerca do cenário epidemiológico, de forma a entender tanto as medidas tomadas pelo município quanto seu próprio papel no enfrentamento à propagação do vírus”, afirma o secretário municipal de Saúde, Durval Pedroso.

O mapa de leitos está disponível no site: https://saude.goiania.go.gov.br/, aba “Transparência de Regulação” – “Mapa de Leitos Goiânia”. 

Fonte: Secom Goiânia

Compartilhe este post: