destaques

Prefeitura de Aparecida esquece obra de Cmei, paralisada há 10 anos

Cmei Comendador Walmor, obra que nunca prosperou nas mãos da prefeitura (Divulgação)

A construção do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) da Rua Malaquita, no Setor Comendador Walmor, que atenderia mais de 100 crianças, está abandonada há mais de uma década pela Prefeitura de Aparecida. O cenário se tornou uma triste referência para os vizinhos e chama a atenção de quem passa pelo local.

O Cmei inacabado impacta, principalmente, nas famílias que precisam de um lugar para deixar os filhos pequenos para os pais irem trabalhar. A construção poderia ajudar a diminuir o déficit de vagas na cidade, que atualmente ultrapassa 10 mil. Para agravar ainda mais a situação, a obra abandonada não conta com nenhum tipo de segurança, serve como esconderijo para usuários de drogas e ainda traz perigos para as crianças do bairro.

Os moradores do Setor Comendador Walmor pediram ajuda ao Diário de Aparecida na cobrança de respostas da Prefeitura de Aparecida acerca de quando a construção do Cmei da Rua Malaquita será retomado e finalmente inaugurado. Indagam, ainda, se é verdade que o Centro de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente (Caic) Darci Ribeiro receberá crianças com os mesmos serviços dos Cmeis até a conclusão da unidade da Rua Malaquita.

Cintya Rosa de Paula mora em frente ao Cmei. Com dois filhos, ela não conseguiu vagas nos Cmeis do município e lamenta os anos de displicência do poder público municipal com a obra. “Não só eu, mas muitas mães e avós são obrigadas a pagar babá. Muitos aqui ganham salário mínimo e pagam até R$ 500 para as babás. Só na Rua Malaquita, conheço mais de dez famílias que as mães não podem trabalhar fora por não ter onde deixar seus filhos. Imagina a dificuldade que passamos?”, indagou.

Segundo a Secretaria Municipal de Educação (SME), a obra do Cmei está paralisada por conta do abandono da empresa vencedora da licitação, que declarou falência. A última ordem de serviço assinada ocorreu em 5 de setembro de 2014, na então gestão do prefeito Maguito Vilela.

Atualmente, em Aparecida, há 32 dessas unidades, cada uma com capacidade média para atendimento de até 120 crianças de 6 meses a 5 anos de idade. Os Cmeis oferecem creches com Agrupamentos I, II e III para crianças de seis meses a três anos e a Pré-Escola, Agrupamentos IV e V, para crianças de quatro e cinco anos.

 

Resposta da prefeitura

A Secretaria Municipal de Educação informou que as obras de construção do Cmei da Rua Malaquita serão retomadas após novas adequações no projeto. Já o Cmei que está em obras no Caic Darci Ribeiro tem previsão de término em seis meses, e atenderá uma média de 200 alunos com idade escolar de 6 meses a 5 anos, da região e adjacências. (Ana Paula Arantes / jornalismo@diariodeaparecida.com)

 

Você pode se interessar:

Comments are closed.

Mais em:destaques