Goiás

Prefeitura de Goiânia lança o Programa Renda Família Mais Mulher inscrições já estão abertas

Nesta segunda-feira (4) a Prefeitura de Goiânia abriu o período de inscrições para Programa Renda Família Mais Mulher. Um auxílio financeiro no valor de R$ 300 que será destinado a mulheres que moram na capital e que estão em situação de vulnerabilidade social por causa da pandemia. As interessadas têm até o dia 31 de março de 2022 para realizarem as inscrições pelo site da Prefeitura de Goiânia através do preenchimento de um formulário, aceite de declaração e entrega de documentos. Pelo site a solicitante também poderá acompanhar o passo a passo do seu processo.

De acordo com o decreto publicado pela administração municipal serão beneficiadas mulheres que perderam emprego e renda; trabalhadoras informais, autônomas e microempreendedoras individuais, mulheres recém-saídas de abrigamentos; mulheres com medidas protetivas em situação de abrigamento; e mães solo, que criam filhos sem ajuda do pai.

Para solicitar o benefício é preciso ser maior de 18 anos e responsável pela unidade familiar solicitada, além de possuir Cadastro Único (CAD Único) e se encaixar na faixa de renda familiar. Classificadas como pobreza, baixa renda ou extrema pobreza.

O depósito do auxílio financeiro será feito por meio de cartão, que será entregue à mulher no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo do endereço informado no formulário de inscrição.
A prefeitura fará entrevistas com as mulheres que fizerem o pedido por meio da Secretaria da Mulher e poderá solicitar documentação complementar quando houver necessidade. Se necessário, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social fará averiguação de documentos, utilizando banco de dados, ou vistoria na casa da pessoa.

O cartão deverá ser gasto com despesas in natura em estabelecimentos localizados no município de Goiânia.
È importante que a interessada tenha em mãos:
• Autodeclaração da interessada com documentos pessoais de todas as pessoas que residem no imóvel;
• Comprovante de matrícula das crianças e adolescentes em idade escolar que residem no endereço;
• Cartão de vacinação atualizado de todos da residência.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo