D2Goiás

Presidente da Enel Goiás visita obras em Aparecida nesta segunda-feira

Em comemoração ao aniversário de Aparecida de Goiânia, que completa 99 anos nesta terça-feira, 11, o diretor-presidente da Enel Distribuição Goiás, José Luis Salas, vai visitar obras prioritárias no município nesta segunda-feira, 10, ao lado do prefeito Gustavo Mendanha (MDB). Eles se encontrarão às 14h no Paço Municipal e seguirão para a Avenida Santana, no Aparecida Park, para vistoriar as obras de deslocamento de postes no local, imprescindíveis para que seja pavimentado todo o acesso para o novo aeroporto de cargas e para o campus da Universidade Federal de Goiás (UFG) na cidade. Também está na programação uma visita à recém-inaugurada Subestação Independência, no Jardim Florença.
A Enel Distribuição Goiás atua em parceria com a Prefeitura de Aparecida de Goiânia na viabilização do projeto Smart City (Cidade Digital), que prevê instalação de fibra óptica, ampliação do videomonitoramento, implantação de pontos de acesso livre e gratuito à Internet e contratação de data center. Para tanto, a distribuidora está agilizando 14 pedidos da prefeitura para extensões de rede em diversos bairros e outras 20 solicitações para deslocamento de postes. Desse modo será garantida a correção de distorções no posteamento e viabilizado o asfaltamento em dezenas de ruas do município.
“Já investimos cerca de R$ 100 milhões no sistema elétrico de Aparecida e agora, com essa parceria importante com o prefeito Gustavo Mendanha, estamos viabilizando o deslocamento de postes e as extensões de rede que vão permitir a concretização de projetos muito esperados, como esse da Cidade Digital. São muitos investimentos que demonstram nosso compromisso com o povo de Aparecida, ainda mais nesse momento tão importante em que se comemora o aniversário da cidade”, afirmou ao Diário de Aparecida o diretor-presidente da Enel Goiás, José Luis Salas.
Ampliação
Adicionalmente, a companhia elétrica construiu um novo setor na subestação, que permitiu a implantação de seis novas saídas para redes de média tensão e um vão de acoplamento, que funciona como um backup em caso de falha em uma das outras novas saídas. “Também instalamos dois novos bancos de capacitores, que são equipamentos que aliviam o sistema elétrico e melhoram a qualidade da energia que sai da subestação e é distribuída para residências, comércios e indústrias. Eles também ajudam a evitar oscilações nos níveis de tensão, mantendo o fator de potência dentro dos limites regulamentados pela Agência Nacional de Energia Elétrica [Aneel]”, reforça.
Salas destaca, ainda, que estão sendo construídos seis novos alimentadores – que são as redes de média tensão –, que totalizam 33 quilômetros. Nessas construções estão sendo investidos R$16,4 milhões e a previsão é de que as obras sejam concluídas em dezembro deste ano. “Com as obras na subestação, liberamos 17,1 MVA de potência. Isso significa que agora temos mais energia disponível para os nossos clientes, seja para atender um pedido de aumento de carga contratada ou para uma nova conexão. E para que essa energia chegue até eles, os novos alimentadores são fundamentais. É como se a subestação fosse o coração e as redes fossem as veias”, completa.
Além desta entrega, a Enel Goiás desenvolve um plano de manutenções e investimentos no município. Entre 2017 e 2020, foram investidos R$ 91,5 milhões na manutenção, automação e expansão do sistema elétrico de Aparecida de Goiânia. Essas ações incluem construções de novas redes, substituições de equipamentos velhos e degradados, podas preventivas e instalação de equipamentos telecontrolados na rede. Até agora, já foram instalados 288 aparelhos telecontrolados em Aparecida, que permitem a realização de manobras remotas pelo Centro de Operação localizado em Goiânia e possibilitam a recomposição da rede a distância, reduzindo o tempo de interrupção e deixando o menor número possível de clientes sem energia em caso de falhas.

Você pode se interessar:

Comments are closed.

Mais em:D2